Celebre as pequenas vitórias

Algumas vezes, as coisas que tememos podem parecer uma muralha impossível de escalar. Compartilhar sua fé com alguém que você espera levar à Cristo pode parecer uma tarefa difícil. Isso pode ser um medo de que a pessoa reagirá mal ou que você será mal compreendido, como se você tivesse um motivo oculto ou outro interesse. Talvez você já tenha compartilhado, mas esteja em dúvida de que a pessoa conseguirá se conectar à uma igreja.

Todo viajante experiente sabe que uma jornada é feita de pequenos passos. Batalhas são vencidas por pequenas vitórias. Gálatas 6:9 nos lembra que: “E não nos cansemos de fazer o bem, pois no tempo próprio colheremos, se não desanimarmos.”

Os lentos, mas ainda assim firmes passos de progresso que um amigo faz ao confiar mais um pouco em você, falando sobre as coisas profundas da vida e fé, são pequenas vitórias que conquistam o espaço do medo. Enquanto você constrói seu relacionamento e se torna ciente de que Deus está trabalhando na sua vida como um Pai real e amoroso, o rugido do medo gradualmente se torna um barulho patético.

O segredo é reconhecer e celebrar as pequenas vitórias, e jogá-las de volta na cara do medo. Uma pequena vitória pode ter envolvido compartilhar sua experiência com Jesus, ou talvez só tenha sido uma oportunidade de servir alguém. O que importa é que você veja a vitória pelo que ela é, permitindo que você veja Deus trabalhando nas pessoas ao seu redor.

Um pouco sobre A Nova Ordem

O homem ganhou o paraíso mas ainda assim não usou a melhor forma para se enquadrar em um mundo tão perfeito e gracioso. Com o passar dos anos o mundo em que vivemos foi deixando cada vez mais de ser um lugar bom para se conviver. Pensem bem, ganhamos um mundo perfeito com muitos recursos e vida, mas por que com o passar dos anos deixamos de valorizar tudo isto? Nosso planeta tinha estrutura para que ninguém no mundo jamais passasse fome e necessidades mas por que tudo isto é tão comum no nosso cotidiano? Nós poderíamos criar um paraíso? Um lugar bom para todos? Bem neste livro tudo isto será retratado de forma bem aprofundada e pacífica.

A terra, um lugar habitável para todos, um lugar com recursos finitos, mas que para isto e necessário a solidariedade e compromisso de todos. Deixamos de viver em um paraíso quando decidimos sermos egoístas e não entender e nem amar o próximo. Nós sempre nos comparamos com o outro e buscamos formas de serem melhores, possuir mais bens, ter mais recursos, sempre tentamos ser superiores aos nossos semelhantes. Como viveríamos no céu com este pensamento tão fútil? Pensem bem, em um lugar como este não existe desigualdade, todos são tratados iguais.

O egoísmo e o pecado da preguiça, são duas coisas que digo com toda certeza que é foi um grande colaborador com a destruição do nosso mundo. Vocês já pararam para pensar que se decirmos viver de forma comunista onde todos seriam iguais isto traria uma consequência de problemas para aquelas que de alguma forma são considerados especiais. Bem eu digo que isto não é uma desculpa pois vejam bem, devemos sempre amar ao próximo sendo assim percebe – se que estas pessoas seriam separadas de forma inteligente e o homem seria solidário com seu irmão, seguindo este raciocínio concluo que para reconstruir um paraíso e preciso a colaboração de todos excluindo apenas aqueles especiais que conhecemos hoje como as crianças, as mulheres grávidas, incapazes, pessoas com algum tipo de deficiência etc. Assim deduz que uma sociedade com habitantes com o pecado da preguiça não se colocaria nesta sociedade pois neste mundo bonito e sadio todos os pecados teriam que ser quebrados. Vocês já pararam para pensar  também que a maioria das doenças que conhecemos hoje pode ser uma falha dos humanos. Se tínhamos um mundo perfeito em nossas mãos por que pessoas sempre adoeceram? Isto não é nenhum problema pois como já sabemos que a maioria das doenças são curadas com plantas e ervas medicinais sendo assim o homem apenas teria que usar a sabedoria para lidar com isto.

Outro fator importante é na forma como o homem sempre buscou facilitar tudo com construção de casas e transportes, ao passar dos anos as vestimentas foram sendo aperfeiçoadas. Já de início outro quesito importante era a mão de obra e o dinheiro, com o mundo solidário onde tudo seria dividido igualmente isto não seria um problema. A sociedade apenas faz isto hoje de forma mais severa e os recursos não chegam a todos pois não existe mais solidariedade e amor ao próximo. Com a finalidade de melhorar o meio de vida, o homem acabou causando problemas ao planeta deixando-o literalmente longe de ser chamado de paraíso. Será que de alguma forma o homem se encaixaria no céu? Será que de alguma forma o homem já pensou em criar um lugar perfeito como o paraíso? A resposta é sim porém não de forma muita eficaz e saudável. Os vícios e a tecnologia são aceitos como forma de alegria pela maioria das pessoas, muitas se deixam levar por isto. Com base nestes aspectos no livro a nova ordem será retratado como o homem ao passar dos anos tentou criar diversas formas de ter um lugar bom para se viver. A tecnologia, as drogas e a medicina são fatores que vão influenciar neste novo mundo.

Mas afinal o homem vai conseguir reconstruir um novo paraíso?

A saga a nova ordem vai ser publicado gratuitamente no Wattpad. O Livro 01 – Vírus já está sendo disponibilizado na plataforma: https://my.w.tt/dHKXDPzfGY